cabelo descolorido

Como cuidar de cabelo descolorido?

Muitas mulheres têm medo de descolorir os cabelos por medo de deixá-los sem brilho e quebradiços. Mas é fácil resolver este problema. Descubra!

O cabelo descolorido é um dos “must have” mais temidos entre as mulheres. Isso porque, após o processo químico, ele exige muito cuidado para se manter sempre hidratado, saudável e com brilho – enfim, para se manter bonito como você quer!

Muitas pessoas tendem a deixar de descolorir as madeixas por medo de quebrar os fios ou não conseguir recuperá-los do ressecamento inevitável da descoloração. No entanto, não trata-se de um bicho de sete cabeças assim.

É possível ter um cabelo descolorido e saudável. Para isso, no entanto, precisamos entender como funciona o processo de descoloração dos fios e como fazer para que eles voltem a ter o brilho e a saúde de sempre.

Continue acompanhando e confira!

O que acontece com o cabelo descolorido?

O processo de descoloração é definido por tirar os pigmentos dos fios. Essa remoção de pigmento acontece graças à união de dois produtos: o pó descolorante e um oxidante (normalmente, a água oxigenada).

A água oxigenada é responsável por abrir as cutículas dos fios para que o pó descolorante seja capaz de penetrar no cabelo e tirar todo o pigmento.

Para ficar mais visual, imagine um canudinho cheio de água. A água oxigenada das misturas descolorantes abre pequenos buraquinhos nesse canudo, fazendo com que o pó possa entrar para remover todo o pigmento que está dentro do canudo.

O que acontece é que, no meio desse processo de abrir cutículas para tirar a pigmentação, muitos dos nutrientes e da água responsáveis pela hidratação do cabelo também vão embora.

É por isso que, após esse processo, os cabelos podem ficar ressecados, sem brilho e sem vida. Em alguns casos, se os fios já estiverem com as cutículas abertas e muito fracos, a descoloração pode até resultar na quebra e queda do cabelo.

Mas ei, não se preocupe! Existem cuidados antes e após a descoloração que ajudarão a manter a saúde dos fios e garantir que o procedimento seja um sucesso!

Quais são os cuidados fundamentais para manter os fios descoloridos hidratados?

Se você tem cabelo descolorido, já deve saber que os fios exigem muito cuidado nessa fase, principalmente após a descoloração.

Para garantir que os cabelos estejam sempre hidratados, com vida e com brilho, é preciso abraçar uma nova rotina de cuidados para ter certeza de que todos os nutrientes e toda a água necessária serão repostos aos fios.

Existem várias formas de manter os cabelos bem hidratados, desde grandes hidratações em salões de beleza até hidratações caseiras e com produtos que você tem em casa (como azeite, óleo de coco ou de abacate, por exemplo).

Veja só algumas dicas valiosas!

1. Prepare uma hidratação potente

Seja em casa ou no salão de beleza, sempre tenha em mente uma hidratação reconstrutora potente para fazer após descoloração. Isso porque é um momento em que os fios estão extremamente fragilizados e precisando de todo o cuidado possível.

Busque máscaras de reconstrução capilar ou converse com o seu cabeleireiro sobre quais são as melhores alternativas para recuperar os fios.

Essas máscaras geralmente são tão potentes que não costumam ter seu uso recomendado mais de uma vez por mês!

Por isso, elas são tão importantes no momento após a descoloração: por serem muito concentradas, serão responsáveis por amenizar, nesse primeiro momento, os “estragos” feitos pelo processo de abertura das cutículas.

2. Faça um cronograma para recuperar e manter a hidratação

O cronograma capilar é uma das novas tendências para manter a saúde dos fios. Consiste basicamente de uma rotina de atividades capilares (hidratação, nutrição e reconstrução) para garantir que os fios fiquem saudáveis e permaneçam assim.

A forma com que organizamos cada uma das atividades depende do estado dos fios.

Para recuperar os cabelos, por exemplo, é recomendado fazer hidratações duas vezes por semana, uma reconstrução por mês e duas nutrições — de preferência espaçadas de 15 em 15 dias.

Depois de recuperados os fios, a rotina passa a ser leve, mas, ainda assim, intercalando atividades a cada dois dias.

No cronograma capilar, a reconstrução é feita com a máscara superpotente que comentamos anteriormente — e é usada, geralmente, após algumas hidratações para recuperar os fios.

As hidratações podem ser feitas com os cremes que tradicionalmente já usamos. Eles tendem a ser mais leves, por isso podem ser utilizados a cada dois dias dentro do cronograma.

A nutrição, por sua vez, pode ser feita de diversas formas. Existem produtos capazes de nutrir os fios, mas o mais comum é encontrarmos pessoas que fazem esse passo com azeite de oliva ou óleo de coco.

3. Use óleos leave-in após lavar o cabelo

O leave-in após lavar os fios é fundamental para quem está com o cabelo descolorido. Ele tende a hidratar um pouco mais o cabelo, além de protegê-lo de agressões externas, como calor do sol, chuva e vento.

Principalmente se as pontas estiverem ressecadas, torne o leave-in uma rotina. Cuidado, no entanto, para não exagerar na dose. Não é recomendado passar esse tipo de produto até a raiz.

Marque as pontas, ou da altura do queixo para baixo, e aplique o produto. Mas cuidado com o excesso, para não deixar os fios oleosos e pesados.

Escolha leave-ins mais nutritivos, como óleo de argan ou o próprio óleo de coco.

4. Faça umectação duas vezes ao mês

Umectação é o nome dado ao processo de nutrição feito com óleos naturais, como dito no cronograma capilar. Ela é recomendada duas vezes ao mês, principalmente para pessoas que estão com os cabelos danificados e frágeis.

Muitas pessoas subestimam a nutrição dos fios. Estamos condicionados a acreditar que hidratação apenas é o suficiente para manter a saúde dos cabelos, mas não é verdade.

Muitos dos cremes de hidratação não possuem todos os nutrientes necessários para manter a maleabilidade e brilho dos fios.

Por isso, a umectação é muito importante. Os melhores óleos para fazer o processo são o azeite de oliva e o óleo de coco.

Nesse tratamento, é interessante que o produto fique pelo menos 4 horas nos fios. Mas o recomendado é 8 horas: pode ser aplicado pela manhã e lavado ao fim do dia.

Também é possível fazer a aplicação antes de dormir, envolver os fios com plástico ou touca e lavar no outro dia pela manhã.

Apesar de serem óleos, não se preocupe: os fios realmente não ficam oleosos após a  lavagem.

Cuidado, apenas, para não aplicar os óleos no couro cabeludo. Nesse caso, é interessante também marcar do queixo para baixo, focando sempre nas pontas — onde normalmente o ressecamento proveniente da descoloração é mais intenso.

5. Tome cuidado com a temperatura da água

Assim como a água oxigenada, a água quente também é um perigo para a abertura das escamas do cabelo. Ao lavar o cabelo descolorido, é fundamental manter a água em temperatura morna ou fria.

Há pessoas que são um pouco mais ousadas: eventualmente, enxáguam o cabelo com vinagre!

Sim, parece estranho, mas o pH do vinagre é capaz de selar cada vez mais as cutículas dos fios, fazendo com que todo o processo de hidratação, nutrição e reconstrução previamente feitos sejam melhor absorvidos.

O cheiro de vinagre não fica nos cabelos, não se preocupe!

6. Penteie o cabelo com cuidado

O cabelo descolorido, por natureza, é mais fragilizado. Então é preciso ter cuidado na hora de pentear. Opte por pentes de dentes mais largos.

Para facilitar o penteado após o banho, leve sempre um pente para o chuveiro. Após aplicar o condicionador, penteie os fios, aproveitando o condicionamento do produto para desembaraçar.

Isso com o chuveiro desligado, claro! Assim, quando sair do banho, o cabelo não estará tão embolado.

Sempre segure o cabelo e não force o pente. Vá com calma, aos poucos, pois se os fios estiverem muito fragilizados, a força ao pentear pode resultar na quebra.

7. Evite o uso de secador e chapinha

O uso de secador, chapinha e modeladores quentes também precisa ser evitado.

Isso porque o vapor quente vindo desses equipamentos auxilia também na abertura das cutículas do cabelo, fazendo com que, com o tempo, os fios fiquem cada vez mais expostos e os nutrientes escapando pelas cutículas abertas.

Isso, em conjunto com outros fatores externos, como sol, chuva e vento, pode prejudicar os fios ainda mais.

Principalmente para os cabelos descoloridos, o foco é a recuperação do fio. Por isso, quanto menos expormos a situações que podem prejudicar a saúde dos cabelos, melhor.

8. Mantenha uma rotina de corte

Os cabeleireiros sempre falam, mas nós sempre esquecemos ou deixamos pra lá: é fundamental manter uma rotina de corte das pontas do cabelo.

Isso porque as pontas são a parte que normalmente fica mais fragilizada, por já ser exposta a todo tipo de ação externa possível — e há mais tempo.

Não tenha medo de manter uma rotina de corte das pontas a cada três meses, por exemplo. Ao contrário do que muitos pensam, isso não dificultará o crescimento do cabelo.

Pelo contrário, quanto mais saudável seus fios estiverem, mais eles tendem a se desenvolver — e o crescimento em cabelos mais saudáveis tende a ser mais rápido.

9. Não use shampoo anti resíduos

Apesar de acharmos que shampoos anti resíduos são a melhor escolha na hora de lavar os fios, para cabelos quimicamente tratados, eles são uma arma.

Esse tipo de shampoo limpa os fios com uma certa “agressão”, podendo, inclusive, abrir as cutículas e deixar os nutrientes irem embora. Opte por produtos mais naturais e que não possuam petrolatos ou parabenos.

Escolha shampoos brancos e cremosos. Esses tendem a ajudar a hidratar junto com o condicionador.

Ainda não descoloriu, mas está pensando no assunto?

Se você ainda não descoloriu os fios, mas está pensando no assunto, existem alguns cuidados que você pode ter para garantir que o cabelo não fique muito ressecado após o procedimento.

O primeiro passo é fazer um pequeno teste com os fios. Pegue um fio de cabelo, de preferência da nuca, e puxe. Se você perceber que o cabelo faz um movimento de elástico, de puxar e soltar, ele está em um bom estado para ser descolorido.

No entanto, se o fio quebrar ou não tiver toda essa maleabilidade, é fundamental fazer um processo de fortalecimento antes de aplicar o descolorante.

É recomendado que, pelo menos 10 dias antes, você crie uma rotina de duas vezes por semana fazer hidratação e reconstrução capilar dos fios, fortalecendo-os para garantir que estejam bem hidratados e nutridos antes da descoloração.

Uma outra dica interessante, é manter os cabelos sujos antes da descoloração. A oleosidade natural dos fios pode ajudar a proteger o seu cabelo, fazendo com que as cutículas se abram sem danificar muito a estrutura nutritiva dos seus fios.

Para aumentar essa proteção, é interessante aplicar, também, óleo vegetal natural antes do processo. Ele terá o mesmo papel que a oleosidade natural dos fios: ajudará a manter os cabelos nutridos, mesmo durante o processo de descoloração.

Nunca deixe o produto nos fios mais do que o recomendado na embalagem! Apesar de acharmos que cinco minutinhos a mais não farão diferença, precisamos ter cuidado para não deixar que os cabelos fiquem elásticos ou quebradiços.

Sempre se atente a esse tempo pré-definido e não deixe passar disso.

Cuidar dos cabelos descoloridos exige dedicação, mas não é nenhum bicho de sete cabeças. É tudo uma questão de inserir novos hábitos em sua rotina e sempre optar por produtos cada vez mais naturais.

Leia os componentes dos produtos que usará e evite os que possuem petrolatos e parabenos. Cuidado com a temperatura da água no banho, tenha sempre cuidado ao pentear e proteja os fios dos fatores externos.

A fase de adaptação desses novos cuidados pode ser um pouco estranha e difícil no início, mas com o tempo percebemos que é mais simples do que parece.

Seguindo essas dicas, você terá um cabelo descolorido hidratado, com vida, brilho e maciez.

Tem alguma dúvida? Deixe um comentário!

 

5 comments on “Como cuidar de cabelo descolorido?

  • Soraya Corrêa says:

    Meu cabelo é muito fino, será se eu posso descolorir, pois quero que ele fique quase branco para que eu possa evitar de ficar pintando o cabelo. Porque quando a raiz for crescendo não ficará tão feio. Agradeço a atenção e aguardo resposta.

    Reply
  • Jocileide Diniz says:

    Meu cabelo está elástico e qyebradiço, principalmente na frente, depois que fiz descoloração . Gostaria de saber qual hidratação profunda usar? E para ajudar o crescimento o que devo usar?

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>