calos

Como prevenir e tratar os calos dos pés e das mãos de forma fácil

O aparecimento de calos é normal, como também é normal se incomodar com eles. Mas você sabe resolver o problema? Descubra!

Toda mulher já viveu esse dia: você compra o sapato dos sonhos, sai com ele linda, confiante e feliz… e volta com os pés cheios de calos – e muita dor.

Se não passou isso com sapatos novos, é possível que já tenha passado depois de uma atividade física, como ginástica ou caminhadas longas, ou até depois de carregar algo muito pesado, de tocar instrumentos musicais…

A lista de atividades do dia a dia que são capazes de ocasionar calos nas suas mãos ou nos seus pés é imensa. Basta uma fricção constante na pele e lá estão eles, causando incômodo e afetando sua beleza.

Os calos surgem como uma resposta do organismo ao atrito constante da pele com alguma superfície, visando proteger as camadas inferiores a partir de uma camada superficial mais grossa de pele.

O aparecimento de calos é normal, como também é normal se incomodar com eles. Mas você sabe resolver o problema? Descubra abaixo!

Como prevenir e tratar os calos dos pés e das mãos de forma fácil

Prevenção

“É melhor prevenir do que remediar”, e o velho ditado também vale quando o assunto são os calos.

A melhor maneira de lidar com os calos é evitando que eles apareçam!

Para fazer isso, evite sapatos muito apertados, não faça atividades físicas sem meias, utilize luvas quando for passar por um atrito nas mãos, utilize palmilhas novas nos calçados, protetores nos calcanhares… enfim, tome medidas simples que impeçam a fricção excessiva sobre a pele.

LEIA MAIS: Como as atividades físicas podem colaborar na saúde da pele

Tratamento

Atualmente, já existem cosméticos capazes de diminuir a espessura da pele sem afetar os tecidos ao redor dos calos, que permaneces na espessura normal – mas, claro, você deve consultar um médico dermatologista antes de sair usando.

É o médico que vai conseguir diagnosticar a causa do problema, garantindo a melhor solução possível para ele.

Técnica muito comum, a lixação dos calos deve ser evitada, pois pode provocar feridas, sangramentos, infecções e piorar o problema.

Para piorar ainda mais, lixar pode causar o efeito contrário ao desejado. O organismo pode entender que ali há necessidade de uma pele ainda mais espessa, e isso vai deixar os calos maiores.

Uma opção é deixar a mão ou o pé de molho por 15 a 20 minutos em água quente com sulfato de magnésio (também chamado sal de epsom ou sal amargo) e, depois, passar uma pedra pome muito sutilmente, para evitar feridas.

Neste caso, a ideia é usar a pedra para tirar a pele morta, superficial, e não as camadas inferiores. Por isso, é preciso muito cuidado e sutileza!

Com essas dicas, e o devido acompanhamento médico especializado quando necessário, os calos nunca mais serão uma preocupação. Seja na hora de vestir o sapato novo ou de ir para a academia.

 

One comment on “Como prevenir e tratar os calos dos pés e das mãos de forma fácil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>